CÂNTICOS PARA AS MISSÕES
|_ Nossa Senhora

67. VIVA A MÃE DE DEUS E NOSSA (Re -)
Viva a Mãe de Deus e nossa, sem pecado concebida. Viva a Virgem Imaculada, a senhora Aparecida!
1. Aqui estão vossos devotos, cheios de fé incendida, de conforto e de esperança, ó Senhora Aparecida.
2. Protegei a Santa Igreja, Mãe terna e compadecida. Protegei a nossa Pátria, ó senhora Aparecida.
3. Oh! Velai por nossos lares, pela infância desvalida, pelo povo brasileiro, ó senhora Aparecida.

68. GRAÇAS VOS DAMOS (Do)
1. Graças vos damos, Senhora, Virgem por Deus escolhida para a Mãe do Redentor, ó senhora Aparecida! (bis)
2. Louvemos sempre a Maria, Mãe de Deus, autor da vida. Louvemos com alegria a Senhora Aparecida. (bis)
3. E na hora derradeira, ao sairmos desta vida, implorai a Deus por nós, ó Senhora Aparecida!

69. LOUVANDO A MARIA (Re)
1. Louvando a Maria, o povo fiel a voz repetia de São Gabriel:/: Ave, Ave, Ave, Maria!
2. O anjo, descendo num raio de luz, feliz Bernadete à fonte conduz.
3. A brisa que passa, aviso lhe deu que uma hora de graça soara no céu.
4. Vestida de branco, ela apareceu, trazendo na cinta as cores do céu.
5. Mostrando um rosário na cândida mão, ensina o caminho da santa oração.

70. COM MINHA MÃE ESTAREI (Re)
1. Com minha Mãe’starei na santa glória, um dia, junto à Virgem Maria, no céu triunfarei!
No céu, no céu, com minha Mãe’starei! No céu, no céu, com minha Mãe’starei!
2. Com minha Mãe’starei, mas já que hei ofendido a meu Jesus querido, as culpas chorarei.
3. Com minha Mãe’starei! E que bela coroa, de Mãe tão terna e boa, feliz receberei.
4. Com minha Mãe’starei, em seu coração terno, em seu colo materno sem fim descansarei!

71. DAI-NOS A BÊNÇÃO (Do)
Dai-nos a bênção, ó Mãe querida, Nossa Senhora Aparecida! (bis)
1. Sob esse manto do azul do céu, guardai-nos sempre no amor de Deus!
2. Eu me consagro ao vosso amor, ó Mãe querida, do Salvador!
3. Sois nossa vida, sois nossa luz, ó Mãe querida, do meu Jesus!

72. VIRGEM, TE SAUDAMOS (Re)
1. Virgem, te saudamos, vem nos amparar.
Nós te suplicamos, vem nos amparar.
Ó Maria, Mãe de Deus,
Vem salvar os filhos teus.
2. Em qualquer perigo, vem nos amparar.
Dá-nos teu abrigo, vem nos amparar.
3. Cheia de bondade, vem nos amparar.
Salva a humanidade, vem nos amparar.
4. Quando o mal nos tenta, vem nos amparar.
Nosso amor alenta, vem nos amparar.
5. Em todos os dias, vem nos amparar.
Dá-nos alegria, vem nos amparar.

73. MARIA DE NAZARÉ (Re)
Maria de Nazaré, Maria me cativou. Fez mais forte a minha fé e por filho me adotou.
Às vezes eu paro e fico a pensar e, sem perceber, me vejo a rezar, o meu coração se põe a cantar pra Virgem de Nazaré. Menina que Deus amou e escolheu pra Mãe de Jesus, o Filho de Deus. Maria que o povo inteiro elegeu, Senhora e Mãe do Céu.
Ave, Maria...
Maria que eu quero bem, Maria do puro amor. Igual a você ninguém, Mãe pura do meu Senhor.
Em cada mulher que a terra criou, um traço de Deus Maria deixou, um sonho de mãe Maria plantou, pro mundo encontrar a paz.
Maria, que fez o Cristo falar; Maria, que fez Jesus caminhar; Maria que só viveu pra seu Deus; Maria do povo meu.
Ave, Maria...

74. PELAS ESTRADAS DA VIDA (Do)
1. Pelas estradas da vida, nunca sozinho estás. Contigo pelo caminho Santa Maria vai.
Ó vem conosco, vem caminhar, Santa Maria, vem. (bis)
2. Se pelo mundo os homens sem conhecer-se vão. Não negues nunca a tua mão, a quem te encontrar.
3. Mesmo que digam os homens, “Tu nada podes mudar”, luta por um mundo novo, de unidade e paz.
4. Se parecer tua vida inútil caminhar, lembra que abres caminho, outros te seguirão.

75. UMA ENTRE TODAS (Re)
1. Uma entre todas foi a escolhida:/ foste tu, Maria, serva preferida,/ Mãe do meu Senhor,/ Mãe do meu Salvador!
Maria, cheia de graça e consolo,/ venha caminhar com teu povo./ Nossa mãe e sempre serás!(bis)
2. Roga pelos pecadores desta terra./ Roga pelo povo que em seu Deus espera,/ Mãe do meu Senhor, Mãe do meu Salvador!

76. IMACULADA (Sol)
Imaculada, Maria de Deus, coração pobre acolhendo Jesus. Imaculada, Maria do povo, Mãe dos aflitos que estão junto à cruz!
1. Um coração que era “sim” para a vida, um coração que era “sim” para o irmão, um coração que era “sim” para Deus: Reino de Deus renovando este chão.
2. Olhos abertos pra sede do povo, passo bem firme que o medo desterra, mãos estendidas que os tronos renegam; Reino de Deus que renova esta terra.
3. Faça-se, ó Pai, vossa plena vontade, que os nossos passos se tornem memória do amor fiel que Maria gerou; Reino de Deus atuando na História.

77. CONSAGRAÇÃO (La)
Ó minha Senhora e também minha mãe,/ Eu me ofereço inteiramente todo a vós./ E, em prova de minha devoção,/ eu hoje vos dou meu coração./ Consagro a vós meus olhos,/ meus ouvidos, minha boca./ Tudo o que sou, desejo que a vós pertença./ Incomparável Mãe,/ guardai-me, defendei-me,/ como filho(a) e propriedade vossa. Amém. (bis)

78. MARIA O MAGNIFICAT CANTOU (Re)
1. Maria o Magnificat cantou./ E com Ela também nós vamos cantar./ Pão e vida é o brado de um Brasil/ que de norte a sul se uniu/ para o Cristo celebrar.
Aparecida é a Mãe do pescador/ é a Mãe do Salvador/ é a Mãe de todos nós.
2. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar:/ Protegendo e defendendo nosso irmão/ que merece peixe e pão/ pra sua fome saciar.
3. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar,/ nos unindo para a Ceia do Senhor,/ com Jesus, o Salvador/ de mãos dadas com o irmão.
4. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar./ O amor que se fazendo refeição/ sobre a mesa é vinho e pão,/ é corpo do Senhor.
5. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar:/ Implorando pelo povo sofredor/ que por falta de amor/ nada tem para comer.
6. Maria o Magnificat cantou/ e com ela também nós vamos cantar./ De mãos dadas mais um ano passaremos/ e jamais esqueceremos/ desta Mãe que nos uniu.

79. CAMINHANDO COM MARIA (Sol)
1. Santa Mãe Maria, nesta travessia,/ cubra-nos teu manto cor de anil./ Guarda nossa vida, Mãe Aparecida, Santa Padroeira do Brasil.
Ave, Maria,/ Ave, Maria ! (bis)
2. Com amor divino,/ guarda os peregrinos,/nesta caminhada para o além./ Dá-lhes companhia, pois também um dia/ foste peregrina de Belém.
3. Mulher peregrina, força feminina,/ a mais importante que existiu./ Com justiça queres que nossas mulheres/ sejam construtoras do Brasil.
4. Com seus passos lentos, enfrentando ventos,/ quando sopram noutra direção,/ toda a Mãe Igreja pede que tu sejas/ Companheira de libertação.